Rashad: ‘Se esse Rampage aparecer na minha frente, vou nocauteá-lo’

Ex-campeão dos meios-pesados criticou a atuação do compatriota no UFC 186

Foto: UFC Divulgação

Foto: UFC Divulgação

Sem lutar desde novembro de 2013, quando derrotou Chael Sonnen no UFC 163, Rashad Evans assistiu ao retorno de Quinton Rampage Jackson ao Ultimate, quando o norte-americano venceu Fábio Maldonado por decisão unânime na segunda luta mais importante do UFC 186, no último sábado (25). Em entrevista à FOX Sports 1, o ex-campeão dos meio-pesados não poupou críticas à apresentação do lutador, e disse que derrotaria Rampage caso se enfrentassem.

“Eu daria uma revanche a Rampage agora mesmo. Essa é uma luta que eu gostaria de fazer. Ele pareceu bem, mesmo com os problemas que teve de enfrentar antes de lutar, mas mesmo assim eu lhe dou o benefício da dúvida. Se esse Rampage aparecer na minha frente no octógono, vou nocauteá-lo de forma espetacular. Ele tem que voltar a ser o velho Rampage, arrasando e derrubando seus adversários. Só assim ele voltará a ser um dos melhores, um membro da elite e uma ameaça real na categoria”.

– Curta Psicóticos por VT no Facebook

Evans e Rampage se enfrentaram em 2010, com vitória do lutador da Blackzilians por decisão unânime. Na coletiva de imprensa pós-UFC 186, Rampage comentou que gostaria de fazer revanches contra lutadores que já o derrotaram, citando o nome de Rashad. O norte-americano, no entanto, está lesionado e deve voltar ao octógono apenas no segundo semestre.

Obrigado pela sua opinião !

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.