Com Submission e Muai Thay, NCE divulga sua 6° edição

O New Corpore Extreme chega a sua 6° edição com uma grande surpresa. Além dos tradicionais duelos no MMA amador e profissional, o NCE 6 levará aos octógonos grandes nomes do Muay Thai e Submission, prato cheio para os amantes dos esportes de contato. O evento ocorrerá no maior reduto do MMA da Zona Norte do Rio, o CT New Corpore, em Irajá, no dia 23 de julho. Segundo os organizadores, as modalidades recém incluídas ao show, fazem parte de um processo de atualização no evento que espera se tornar uma referência no mercado.

Banner NCE 6

➡ ARM LOCK MARICÁ A MELHOR FIGHT WEAR !

– Temos uma grande responsabilidade na expansão do nosso esporte. O Brasil já não é apenas o país do futebol, vai muito além disso. É o país do MMA, do Jiu-jitsu, da Luta Livre e um grande expoente do Muay Thai também. Mesmo com todo o nosso sucesso, não temos visibilidade para estes esportes. Como já temos nome e um grande número de fãs, queremos abrir portas para praticantes das outras modalidades. Nossos atletas têm muito potencial, mas não possuem espaço. Vamos passar a trabalhar nisso – Declarou o faixa preta Renato Dominguez, um dos responsável pelo evento.

O Submission seguirá as regras da SJJSAF onde, em caso de empate, haverá prorrogação sem limite até que alguém pontue ou finalize. Já no Muay Thai, o NCE seguirá as regras da Liga Carioca de Muay Thai e também contará com um dos maiores árbitros do país na direção de arbitragem, o mestre Flávio Almendra.

Como a sua essência é o MMA, o NCE não decepcionou na montagem do seu card. Em 10 duelos profissionais, o evento culminará em uma guerra de estilos. Com 5 vitórias por nocaute, o jovem carioca Denilson Trator, terá pela frente o experiente faixa preta de Jiu-jitsu, Nilton Paraná.

Trator acabou de completar 21 anos, mas seu cartel profissional é invejável, tendo superado 9 dos seus 12 adversários até então. Nomes de peso como Evilásio Puma e André Tadeu foram nocauteados pela fera carioca, que vem ao NCE em busca do seu 10° triunfo. Pelo outro lado, diretamente do Amapá, o faixa preta Nilton Paraná, confia na sua experiência em campeonatos de Jiu-jitsu e Submission para segurar o ímpeto do carioca e trabalhar no seu jogo.

Superação é um dos sobrenomes

Em tempos de olímpiadas e paraolimpíadas, um nome sobressai no card do NCE, Luiz Ricardo “Acerola”. Acerola é surdo, mas devido ao seu empenho, não se viu intimidado a se profissionalizar no esporte que tanto ama.

Luiz Ricardo, iniciou no mundo das lutas através do professor Eduardo Duarte, líder do projeto AVD – Valorizando as Diferenças. O projeto que já completou sua primeira década, proporciona acessibilidade e inclusão para jovens com deficiência por meio do esporte, tendo ao longo da sua história beneficiado mais de 4 mil jovens. Acerola foi um deles.

Em 2013 migrou para o MMA para disputar o primeiro campeonato de MMA Amador para Surdos no Arnold Classic Brasil, de onde saiu vencedor e decidiu se dedicar em definitivo ao esporte que mais cresce no mundo. Com a inclusão do mestre Alexandre Pequeno no Projeto AVD, Acerola melhorou seu jogo e passou por um teste de fogo no evento Valent´s Night. Mesmo não saindo com a vitória, Luiz surpreendeu o público com uma das melhores lutas daquela noite.

– O Acerola é um menino muito dedicado, mesmo passando por muitas dificuldades, tem um espírito de campeão, com muito foco e disciplina. Não ficaria surpreso se em breve passasse a figurar entre os principais atletas do país. Na sua primeira luta profissional ele não teve muito tempo de preparo, pegou um cara 10 anos mais velho, com muita experiência e mesmo assim fez uma ótima luta. Desta vez o camping foi feito com o tempo ideal e estou certo que sairá com sua primeira vitória. – Declarou o rei da guilhotina, Alexandre Pequeno.

O New Corpore Extreme 6 acontecerá no dia 23 de julho no CT New Corpore Fight, Praça Nossa Senhora da Apresentação 301–A, Irajá – Rio de Janeiro. Os ingressos estão à venda nas academias New Corpore por R$30,00, mas são limitados. Os duelos de Muay Thai iniciarão às 10 horas, o Submission ao meio dia e o MMA amador às 14 horas. O evento profissional iniciará às 18 horas.

Card preliminar

Até 80 Kg – Marcos Vinicius (Team New Corpore) vs Renato Ferreira (Chock Dree Petrópolis)

Até 57 Kg – Lucas Tenório (Team New Corpore) vs Willy Nogueira (Team Dourado)

Até 54 Kg – Daniel Balbino Pardal (Team New Corpore) vs Adriano Lima (Brazil 021)

Até 93 Kg – Carlos Santos “Carlão” (Team New Corpore) vs Douglas Martins (Team Bosco)

Até 66 Kg – Luiz Acerola (AVD/Guilhotina Fight) vs Igor Queixada (Team Nogueira)

Até 70 Kg – Guilherme Cadena (Team New Corpore) vs Italo Cruz (Team Cardoso)

Card Principal

Até 77 Kg – Allef Carlos (Rx Fighter) Vs Renato Indio (Top Brother)

Até 66 Kg – Leandro Vinicius (Tapout Team) vs André Borges (Careca Mma Team)

Até 80 Kg – Jhonny Cyborg (Team New Corpore) vs Guilherme Nogueira (Team Cardoso)

Até 70 Kg – Carlos Betinho (Team New Corpore) vs Ricardo Maizena (Careca MMA Team)

Até 70 Kg – Denilson Trator (Team New Corpore) vs Nilton Nunes “Paraná” (Grota da Onça)

Anúncios

Obrigado pela sua opinião !

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s