Lyoto Machida vence Eryk Anders na luta principal do UFC Belém

Brasileiro encerrou sequência de derrotas na cidade em que cresceu

(Photo by Buda Mendes/Zuffa LLC/Zuffa LLC via Getty Images)

A luta principal do UFC Belém tinha um significado especial para Lyoto Machida, crescido na cidade, e se tornou ainda mais importante para o “Dragão” após ele superar o norte-americano Eryk Anders por decisão dividida, encerrando sequência de três derrotas consecutivas no octógono.

 

Isso aqui representa muito para mim”, disse um emocionado Lyoto ao final do combate, “Eryk é um cara muito duro, um grande atleta, mas hoje a gente saiu com a vitória, Pará!”.

 

Mas a vitória foi vendida cara. Lyoto teve um bom início de combate, conseguindo aplicar uma queda com um chute baixo e controlando boa parte do assalto em uma distância segura.

Entretanto, Anders aumentou o ritmo e passou a perseguir o brasileiro de forma mais incisiva com o decorrer do duelo. No segundo round, o norte-americano desferiu uma cotovelada que abriu um corte grande na testa do brasileiro.

O duelo permaneceu na mesma toada até o final: Anders perseguindo, Lyoto se movimentando, alguns golpes contundentes para cada lado e muito equilíbrio. Ao final, o brasileiro foi declarado vitorioso por decisão dividida dos jurados (48-47, 47-48, 49-46).

E ainda teve tempo para fazer um desafio: “Michael Bisping, estou aqui para você”, disse Machida no octógono.

Confira todos os resultados do UFC Belém:

Lyoto Machida venceu Eryk Anders por decisão dividida (48-47, 47-48, 49-46);

Valentina Shevchenko venceu Priscila Cachoeira por finalização (mata-leão) aos 4m25s do 2º round;

Michel Prazeres venceu Desmond Green por decisão unânime (30-27, 29-28, 29-28);

Timothy Johnson venceu Marcelo Golm por decisão unânime (30-27, 29-28, 29-28);

Douglas Silva de Andrade venceu Marlon Vera por decisão unânime (30-27, 30-27, 30-27);

Thiago Santos venceu Anthony Smith por nocaute técnico a 1m03s do 2º round;

Sergio Moraes venceu Tim Means por decisão dividida (28-29, 29-28, 29-28);

Alan Patrick venceu Damir Hadzovic por decisão unânime (30-25, 30-27, 30-27);

Polyana Viana venceu Maia Stevenson por finalização (estrangulamento) aos 3m50s do 1º round;

Iuri Alcantara venceu Joe Soto por nocaute técnico a 1m06s do 1º round;

Deiveson Figueiredo venceu Joseph Morales por nocaute técnico aos 4m34s do 2º round.

Anúncios

Obrigado pela sua opinião !

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.