WGP 56 tem noite histórica na Argentina com três títulos em jogo nos dois principais duelos da noite

Evento desta sexta-feira, em General Rodríguez, tem Bruno Gazani e Damian Segovia pelo título do WGP e pan-americano WAKO; Leo Corrales e Facu Suarez decidem primeiro campeão estrangeiro da história do evento

Diana Moraes vs Fiorela Cardozo

A contagem regressiva está chegando ao fim. Depois de duas edições realizadas no Argentina,  o WGP desembarca dessa vez em General Rodríguez, na região metropolitana da grande Buenos Aires, nesta sexta-feira, dia 2 de agosto, com um card que promete entrar para a história do evento. No duelo principal da noite, o campeão dos meio-médios (até 71,8kg) do WGP, Bruno Gazani, enfrenta o campeão pan-americano pela WAKO PRO, Damian Segovia, em uma luta que vale a unificação dos dois cinturões e promete abalar as estruturas da capital argentina. Na co-luta principal os argentinos Léo Corrales e Facu Suarez lutam pelo título dos leves (até 60kg) do WGP após afastamento temporário de Diego Piovesan.

Outro duelo que promete é entre os dois últimos desafiantes dos super-leves (até 64,5kg): o brasileiro Jordan Kranio e o argentino Nikolas Vega. O card conta também com o Challenger GP dos leves feminino (até 60kg). E teve mudança de última hora. A argentina Fiorella Cardozo substitui a compatriota lesionada Yanet Maestrojuan no duelo diante da brasileira Diana Leoa. Do outro lado da chave a colombiana Diana Solano encara a argentina Andrea Salazar. A evento começa às 19h30 e conta com transmissão ao vivo do Canal Combate e Fox Sports a partir das 22h.

A pesagem oficial do WGP 56 aconteceu na tarde desta quinta-feira. Os protagonistas da noite não tiveram qualquer tipo de problema com a balança. Bruno Gazani marcou 71,7kg, cerca de 600g a mais que Damian Segovia, que marcou 71,1kg. Leo Corrales e Facu Suarez também marcaram dentro do limite da divisão dos leves e confirmaram o duelo pelo título. O atleta Cesar Paredes não atingiu o limite da categoria e será descontado em 50% da bolsa, repassada ao adversário. Por ter ficado acima de 1kg do limite ele também entra nos dois primeiros rounds da luta com um ponto a menos.

Dois cinturões e só um campeão na luta principal da noite

O duelo principal do WGP 56 promete pegar fogo. Aos 33 anos, Bruno Gazani vai para sua terceira defesa de cinturão no evento. Depois de ganhar o título diante de Marcelo Dionisio, ele manteve a conquista em duas batalhas épicas. Primeiro diante de Robson Minotinho, em outubro de 2018, em uma das lutas que para muitos foi a melhor da história do evento. Depois diante de Petros Cabelinho, em abril deste ano. Gazani soma 16 duelos só no WGP, com apenas dois reveses.

“Treinei muito, fiz um camp bem intenso, fazia tempo que não treinava tanto e me preparava tão bem. Estou me sentindo melhor que nunca para defender meu cinturão. Acho que meu jogo pode encaixar melhor que na última luta. Estou bem motivado por lutar na Argentina, gosto de lutar fora de casa, você consegue se concentrar mais. E meu oponente é um cara experiente, já enfrentou grandes lutadores, se movimenta muito bem mas já estudei os pontos forte e fracos para anular o jogo dele e manter meu título e ainda tomar o dele”, garante.

Agora, diante de Segovia ele tenta não só manter o título do evento como ganhar também o cinturão pan-americano válido pela WAKO PRO, que pertencente ao argentino. Segovia o conquistou na edição 48, a segunda e última na Argentina, quando bateu o compatriota Sebastian Martino por decisão unânime. Aos 32 anos, o lutador soma cinco participações no WGP com quatro triunfos e apenas uma derrota.

“Como sempre eu treinei muito duro e estou bem ciente que para ser um campeão você tem que quebrar seus próprios limites. Eu treino para ser campeão. E realmente quero que o público e meu pessoal desfrutem de um grande show, uma festa esportiva. Estou muito feliz com esta oportunidade. Gazani é um lutador duro, que trabalha forte os cinco rounds Seu jogo de boxe é forte, mas não é só isso. Vamos trabalhar uma variedade de golpes para machucar e abrir brechas”, afirma o argentino.

Entre as outras atrações que prometem estremecer a cidade de General Rodríguez, um deles é o co-main event da noite, que define o primeiro campeão estrangeiro da história do WGP entre os compatriotas Leo Corrales e Facu Suarez, na divisão dos leves (até 70kg). A special fight entre Jordan Kranio e Nikolas Vega e o Challenger GP feminino dos leves são os demais destaques da noite.

Gazani vs Segovia

WGP 56: Bruno Gazani vs Damian Segovia

Data: 02/08

Local: Polideportivo Municipal Juan A. Avila – General Rodriguez, Buenos Aires – Argentina

Hora: 19h30 (Undercard) / 22h00 (Super Fights) / 23h30 (Main Card)

Ingressos: www.ticketek.com.ar

WGP 56 Card

Main Event: WGP Title Bout / Pan-american Title Bout (WAKO PRO)

Peso Meio-Médio (71,8kg)

Bruno Gazani (71,7kg) (União ABC – BRA) vs Damian Segovia (71,1kg) (Segovia Competición – ARG)

Co-main Event: WGP Title Bout

Peso Leve (60kg)

Leo Corrales (59,2kg) (Corrales Kick Center) vs Facu Suarez (58,8kg) (Picante Fight Club)

Challenger GP: Final

Peso Leve Feminino (60kg)

Vencedora da Semifinal 1 vs Vencedora da Semifinal 2

Special Fight

Peso Super-leve (64,5kg)

Nikolas Vega (63kg) (Dojo Serpiente – ARG) vs Jordan Kranio (64,5kg) (Teixeira Team – BRA)

Challenger GP: Semifinal 2

Peso Leve Feminino (60kg)

Andrea Salazar (60kg) (Dojo Serpiente – ARG) vs Diana Solano (60kg) (Latorre Sports Colombia – COL)

Challenger GP: Semifinal 1

Peso Leve Feminino (60kg)

Fiorella Cardozo (60kg) (The Warriors Team FC – ARG) vs Diana ‘Leoa’ Moraes (60kg) (MSP/Warriors Headquarters – BRA)

WGP Super Fights Card

Super Fight

Peso Leve (60kg)

Felipe ‘Artillero’ (60kg) (Team Artilleros/Brutal Striker – CHI) vs Gulliver Alcaraz (58,5kg) (Dojo Serpiente – ARG)

Super Fight

Peso Super-leve (64,5kg)

Cesar Paredes (66,5kg) (Predador/NewLevel Academy – ECU) vs Nicolas Jara (63kg) (Dojo Serpiente/Renegado Team – ARG)

Super Fight

Peso Leve (60kg)

Denis Souza Jr. (60kg) (Coliseu Fight Club) vs Guilherme Monteiro (59,5kg) (Strikers/CF House)

Super Fight

Peso Meio-médio (71,8kg)

Diego Tonson (71,2kg) (Fighters Promotions – ARG) vs Aaron Cañarte (70kg) (Huma Team – ECU)

WGP Undercard

Fight

Peso Pesado (94,1kg)

Lucas Alsina (92,5kg) (Picante Fight Club) vs Matias Groppa (94kg) (Vital Sport)

Fight

Peso Super-leve (64,5kg)

Heber Gaspar (64,5kg) (Picante Fight Club) vs Marcos ‘Wasabi’ Ríos (64,4kgk) (Dojo Serpiente/Team Estecho)

Fight

Peso Meio-Médio (71,8kg)

Miguel Campora (70,5kg) (Naksumai) vs Nicolás Sanchez (71,8kg) (Dojo Serpiente)

Fight

Peso Leve (60kg)

Federico Gentiluomo (59,9kg) (PFC) vs Facundo Medina (60kg) (Renegado Team)

Fight

Peso Cruzador (85,1kg)

Maxi Dagata (84,9kg) (Segovia Competición/Team Jet) vs Daniel Rosseto (85kg) (Salazar Team)

Fight

Peso Leve (60kg)

Ignacio ‘El Fino’  (59,7kg) (PFC) vs Eneas Fernandez (60kg) (Team Sud Atlantico)

 

Anúncios

Obrigado pela sua opinião !

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.