Jones e Cormier se provocam sem super coletiva – The Time is Now

Lutadores fazem o evento principal do UFC 182, em 3 de janeiro de 2015

Jones vs cormier UFC: The Time Is Now

O campeão meio-pesado do UFC, Jon Jones, e Daniel Cormier, seu desafiante pelo cinturão no UFC 182, em 3 de janeiro de 2015, mantiveram a elegância durante a conferência de imprensa repleta de estrelas “The Time is Now”, nesta segunda-feira. Mas houve muita tensão nas provocações feitas pelos dois lutadores durante o evento.
Nenhuma luta no MMA é tão aguardada quanto o duelo entre os dois, que mal continham seu desprezo um pelo outro antes mesmo do duelo ser anunciado – uma batalha entre dois inimigos que se odeiam e vão poder se enfrentar depois que uma lesão no treinamento tirou Alexander Gustafsson da disputa de cinturão.
Finalmente, depois de se estranharem, de serem multados pela Comissão Atlética do Estado de Nevada e de um adiamento, causado por um rompimento no menisco no joelho de Jones, sofrido em uma sessão de treinos, Jones e Cormier vão resolver suas diferenças em 3 de janeiro, no evento principal do UFC 182, no MGM Grand Garden Arena.

Durante uma sessão de perguntas e respostas no The Smith Center for the Performing Arts, Cormier foi perguntado se todo esse vai-e-vem entre os lutadores foi motivador, ou cansativo.

“Você não precisa de muito mais motivação do que saber que está lutando contra peso-por-peso número um do mundo”, disse ele. “Não ajudou a me motivar. Eu estava motivado de qualquer maneira.”

“As pessoas me fazem perguntas como:” Você acha que você o deixou realmente irritado? “Eu não acho que isso é exatamente uma coisa boa. Rashad (Evans) o deixou irritado e ele apanhou. Mas eu estou animado por lutar com o melhor Jon Jones que há. Então, se eu provoco o suficiente para que ele treine um pouco mais e fique mais comprometido, que assim seja. 3 de janeiro está aí eu mal posso esperar para lutar com ele.”

Jones disse que há motivação quando você luta contra alguém que “você realmente não gosta”.

“Sim, eu estou definitivamente empolgado. E tenho certeza que ele também está”, disse Jones, acrescentando que seu joelho já está se movendo e que ele está 90% recuperado. “E você poderá ver isso em 3 de janeiro”.

Com isso, Jones e Cormier começaram a trocar provocações mais uma vez – enquanto o presidente do UFC, Dana White, olhava diretamente para eles.

“Você pode esperar eu terminar, só por um segundo?”, Cormier perguntou a Jones, olhando através do palco em sua direção.

“Ok, menino grande”, Jones respondeu com um sorriso, enquanto a multidão ria nervosamente.

Cormier respondeu: “3 de janeiro…3 de janeiro.”

Jones disse: “E ainda o campeão…”

Cormier: “E o novo campeão dos meio-pesados…”

A multidão explodiu em gargalhadas.

Jones e Gustafsson estavam programados para se enfrentarem no UFC 178, no final de setembro, mas um rompimento no menisco da estrela sueca abriu as portas para Cormier, que desceu para os meio-pesados enquanto focava em enfrentar o homem considerado o melhor lutador peso-por-peso do mundo.

A rivalidade entre ambos virou uma verdadeira briga em agosto, no MGM Grand Hotel, quando Cormier empurrou Jones para trás após ambos encostarem as cabeças por duas vezes durante a encarada. Jones revidou com socos e os dois lutadores caíram sobre o cenário atrás do palco montado.

A Comissão Atlética de Nevada multou Jones em U$ 50 mil e Cormier em U$ 9 mil pela confusão, juntamente com a prestação de serviços comunitários.

Obrigado pela sua opinião !

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.