O “Garotão” de Dana White, Mcgregor, leva mais um cinturão do UFC e mostra que é o Sonnen que deu certo

Como em um roteiro escrito por Dana, Conor McGregor entra para a história do UFC. O protegido do presidente leva o cinturão dos pesos-leves  no UFC 205,  ele ja tinha o cinturão dos penas, e é agora o primeiro detentor de dois títulos simultaneamente na história da organização.

Foto que vai virar quadro na mesa de cabeceira de Dana White. (Foto: Jason Silva)

Foto que vai virar quadro na mesa de cabeceira de Dana White. (Foto: Jason Silva)

Sempre dominante durante todo o combate, Conor não tomou conhecimento de Eddie Alvarez. Com ataques no tempo certo, o irlandês aplicou dois knockdowns no norte-americano ainda no primeiro round.

E no segundo round com o mesmo ritmo, McGregor entrou disposto a mostrar que todo investimento feito por Dana White para seu desenvolvento no esporte não foi atoa, após um ataque descuidado de Alvarez, o “patrocinado pelo UFC” com uma sequência fatal definiu o combate.

Como nos melhores sonhso da promoção, Conor McGregor saiu do cage do UFC 205 com um cinturão em cada ombro.

Ao sair do octagon o Chael Sonnen de Dana White que deu certo ainda disse a  torcida no Madison Square Garden:

“Esse é meu sonho virando realidade. Tem um motivo para eu estar no topo e são vocês”.

Confira todos os resultados do UFC 205:

Conor McGregor venceu Eddie Alvarez por nocaute aos 3m04s do 2º round;

Tyron Woodley e Stephen Thompson tiveram um empate majoritário (47-47, 47-47, 48-47);

Joanna Jedrzejczyk venceu Karolina Kowalkiewicz por decisão unânime (49-46, 49-46, 49-46);

Yoel Romero venceu Chris Weidman por nocaute técnico aos 24s do 3º round;

Raquel Pennington venceu Miesha Tate por decisão unânime (29-28, 30-27, 30-27);

Frankie Edgar venceu Jeremy Stephens por decisão unânime (30-27, 30-27, 29-28);

Khabib Nurmagomedov venceu Michael Johnson por finalização (kimura) aos

Tim Boetsch venceu Rafael Natal por nocaute técnico aos 3m22s do 1º round;

Vicente Luque venceu Belal Muhammad por nocaute aos 1m19s do 1º round;

Jim Miller venceu Thiago Alvez por decisão unânime (30-27, 29-28, 30-27);

Liz Carmouche venceu Katlyn Chookagian por decisão dividida (28-29, 29-28, 29-28)

Anúncios

Obrigado pela sua opinião !

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s