Hunt vence Lewis no UFC Auckland e freia ascensão do rival

Norte-americano vinha de seis vitórias seguidas; neo-zelandês perdeu para Overeem em março

(Photo by Josh Hedges/Zuffa LLC/Zuffa LLC via Getty Images)

Foi o final perfeito para a torcida neo-zelandesa que lotou a Spark Arena. Com uma bela apresentanção, Mark Hunt venceu Derrick Lewis por nocaute técnico no UFC Auckland e não só freou a ascensão do rival, que vinha de seis vitórias seguidas, como tambem voltou a dar as caras por uma disputa pelo cinturao dos pesados.

No primeiro assalto de luta, Hunt teve dificuldades por conta de uma lesão na perna, mas mesmo assim o “Super Samoan” provou que tinha mais gás. No quarto e penúltimo round, Lewis estava claramente desgastado, chegando em certo momento a por as duas mãos na cintura e abrindo completamente a guarda para Hunt. O neo-zelandês não se fez de rogado e castigou o rival com socos no rosto e na linha média, até o árbitro interceder. Com esse resultado, Hunt volta a triunfar no Ultimate após ser nocauteado por Alistair Overeem em março último.

No co-main event, embate relâmpago. Vindo de duas derrotas, uma delas para Anderson Silva, Derek Brunson parecia “engasgado”. Diante de Dan Kelly, ex-membro da equipe de judô da Austrália, Brunson levou seu rival ao solo com um direto certeiro ainda nos primeiros segundos de luta. Com Dan sem ação, só restou ao norte-americano finalizar com mais alguns socos. Na entrevista depois da vitória, Brunson aceitou enfrentar Antônio Carlos “Cara de Sapato”, que pediu o vencedor deste combate.

Um dos nomes mais famosos dos leves, Ross Pearson ainda não se reencontrou na divisão. O inglês levou uma joelhada de encontro do neo-zelandês Daniel Hooker e amargou a quarta derrota consecutiva no Ultimate.

No duelo entre os penas Alexander Volkanovski e Mizuto Hirota, melhor para Volkanovski, que venceu na decisão unânime dos jurados. Já o norte-americano Ben Nguyen abreviou os trabalhos finalizando o compatriota Tim Elliott com um mata-leão aos 49 segundos do primeiro round.

Rápida também foi a passagem do brasileiro Henrique Frankenstein pelo octógono do UFC Auckland. Diante de Ion Cutelaba, da Moldávia, ele acabou nocauteado com apenas 22 segundos de combate. Essa foi a terceira derrota seguida do brasileiro.

Confira todos os resultados do UFC Auckland:

Mark Hunt venceu Derrick Lewis por nocaute técnico no quarto round
Derek Brunson venceu Dan Kelly por nocaute técnico no primeiro round
Dan hooker venceu Roos Pearson por nocaute no segundo assalto
Ion Cutelaba venceu Henrique Frankenstein por nocaute técnico no primeiro round
Ben Nguyen venceu Tim Elliott por finalização no primeiro round
Alexander Volkanovski venceu Mizuto Hirota por decisão unâmime
Vinc Pichel venceu Damien Brown por nocaute no primeiro round
Luke Jumeau vencey Dominique Steele por decisão unânime
John Moraga venceu Ashkan Mokhtarian por decisão unânime
Zak Ottow venceu Kiini Kunimoto por decisão dividida
JJ Aldrich vence Chan-Mi Jeon por decisão unânime

Anúncios

Obrigado pela sua opinião !

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s