“Pato” finaliza Quintanar e acaba com rivalidade; jovem Fakhreddine estreia com nocaute no Brave 7

Foto: Assessoria

Há um novo rei em Tijuana, México e a cidade pertence a Alejandro “Pato” Martínez, que venceu Fabian Quintanar pela segunda vez, agora com uma finalização no segundo round da luta principal do Brave 7: Untamed. O primeiro duelo entre os dois havia sido premiado como Luta da Temporada no The Ultimate Fighter América Latina, mas “Pato” não deixou que a revanche chegasse à decisão.
Naquela ocasião, “Pato” foi acusado de golpes ilegais e a controvérsia foi carregada até o confronto da noite do último sábado (29). Porém, Martínez superou novamente seu rival e vizinho (os dois são de Tijuana), desta vez com um mata-leão perfeito, e foi coroado como rei do MMA mexicano.
A vitória sobre o rival elevou o cartel profissional de Martínez para três vitórias e nenhuma derrota. Pelo Brave, são dois triunfos – além de Quintanar, “Pato” já venceu Paulo “Bananada” Silva, brasileiro da X-Gym e companheiro de treinos de Anderson Silva e Ronaldo Jacaré.
“El Aniquilador”, por sua vez, chegou à terceira derrota em sua carreira profissional, agora ficando com 13 vitórias, três derrotas e uma luta sem resultado.
A luta
Tanto Alejandro quanto Fabian começaram o duelo buscando marcar o tempo com chutes nas pernas do adversário. Mesmo com a vantagem da envergadura de “El Aniquilador”, Martínez teve vantagem no controle da distância e nos golpes dados fora do alcance do rival. Quintanar teve alguns momentos bons no clinch, quando usou socos para tentar minar “Pato”, cujos chutes baixos  começaram a tirar a mobilidade de Fabian no fim do assalto inicial.
Logo no início do segundo round, Quintanar tentou uma queda pegando uma das pernas de Martínez, que mostrou habilidade na defesa. Logo depois, o próprio “Pato” mergulhou nas pernas de Fabian em busca de uma queda e conseguiu levar a luta para o chão duas vezes. Na segunda queda, “Pato” logo pegou as costas de “El Aniquilador” e trabalhou no mata-leão, conseguido aos 2m14s.
Hassan Fakhreddine estreia no MMA com nocaute técnico

Duas semanas antes de Mohammad Fakhreddine buscar o título inaugural do peso meio-médio do Brave no Brasil, seu irmão mais novo estreou no MMA em grande estilo. O libanês Hassan Fakhreddine enfrentou a promessa local Rodrigo Reyes frente a uma torcida hostil, mas manteve sua calma, mostrou toda a experiência como boxeador e conseguiu sua primeira vitória com um nocaute técnico após interrupção médica.
Agora Hassan volta seu foco para a batalha de seu irmão, que enfrenta Carl Booth, no dia 12 de agosto, no Brave 8: The Rise of Champions, em Curitiba. Com duas vitórias pelo Brave, Mohammad pode se tornar o primeiro campeão meio-médio da história do evento.
Resultados Brave 7: Untamed: 
Alejandro Martínez venceu Fabian Quintanar por finalização (mata-leão) – R2, 2:14
Chris Padilla venceu Ivan Castillo por decisão dividida (30-27, 28-29 30-28)
Antonio Duarte venceu Hector Valenzuela por decisão unânime (30-26, 30-26, 30-27)
Pablo Sabori venceu Andrew Lagdaan por nocaute técnico – R3, 3:03
Hassan Fakhreddine venceu Rodrigo Reyes por nocaute técnico – R2, 4:58
Marcos Beristain venceu Ernesto Galán por decisão unânime (30-27, 29-28, 29-28)
Victor Tirado venceu Ben Pineda por nocaute técnico – R1, 1:09
Eduardo Alvarado venceu Daniel Rincón por decisão unânime (30-27, 30-27, 30-27)
Saul Cabrera venceu José Salazar por finalização (chave de braço) – R1, 0:51
Kevin Amador venceu Irving Hernandez por finalização (chave de braço) – R2, 3:32
Anúncios

Obrigado pela sua opinião !

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s