Felipe Efrain é mais um brasileiro confirmado no card do Brave 9

O brasileiro Felipe Efrain fará sua segunda luta no Brave no dia 17 de novembro, quando enfrentará o francês Arnold Quero no Brave 9: The Kingdom of Champions, evento que marca o retorno da organização ao Bahrein. O duelo peso galo foi anunciado hoje pela promoção. Efrain se juntará ao companheiro de equipe Lucas Mineiro, que disputará o título mundial do peso pena no mesmo dia, contra o atual campeão Elias Boudegzdame.
Efrain tem apenas 23 anos, mas já conta com bastante experiência internacional em seu cartel, tendo lutado no Japão e nos Estados Unidos, antes de assinar com o Brave Combat Federation. Em sua estreia pela organização, o brasileiro conseguiu a maior vitória de sua carreira, ao nocautear o ex-lutador do UFC Walel Watson no Brave 3: Battle in Brazil, em Curitiba.
Ele irá enfrentar o perigoso Quero, de 30 anos. O francês tem um cartel profissional de 14 vitórias, seis derrotas e um no contest, e fez suas últimas lutas em categorias mais pesadas, mas retornará ao peso galo para enfrentar Efrain. “Silverback” treinou durante muito tempo na mesma academia do peso pesado Francis Ngannou, mas agora representa a ABS Team, na França.
Efrain é o terceiro brasileiro confirmado no card do Brave 9. Além de Mineiro, o peso leve Erick Índio Brabo da Silva também foi anunciado como adversário do astro jordaniano Kareem-Abdul Al-Selwady, que tem duas vitórias no Brave e treina nos Estados Unidos.
Luta de título peso galo confirmada 
Enquanto Efrain e Quero se enfrentam de olho no título, o Brave anunciou que irá coroar, no dia 17 de novembro, o seu primeiro campeão peso galo. O duelo pelo cinturão inaugural será entre o indo-canadense Gurdarshan Mangat e o filipino Stephen Loman.
“St. Lion” Mangat vem de duas vitórias pelo Brave, nocauteando Troy Bantiag no último evento organizado no Bahrein, e depois definindo a rivalidade com o veterano Abdul Muneer, no Brave 5, na Índia. Ele é o primeiro atleta de origiem indiana a disputar um título mundial de MMA.
Já “Sniper” Loman tem um triunfo no Brave. No primeiro evento da história da organização, ele superou Frans Mlambo, companheiro de treinos de Conor McGregor, por decisão unânime. Loman treina junto a Jeremy Pacatiw, que venceu o brasileiro Thiago Dela Coleta na última edição do Brave no Brasil, em agosto.
O Brave 9: The Kingdom of Champions marca o retorno do evento ao Bahrein após um ano. Durante a maior parte de 2017, a organização expandiu suas operações, organizando grandes shows no Brasil (duas vezes), México, Índia, Cazaquistão e nos Emirados Árabes. O Brave 9 será a grande atração da International Combat Week, sob a patronagem de Sua Alteza Sheikh Nasser bin Hamad Al Khalifa.
Anúncios

Obrigado pela sua opinião !

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s