Matheus Nicolau promete colocar diversão na categoria dos moscas a partir do UFC 219

A hora é de colocar diversão no peso mosca. É assim que Matheus Nicolau encara a sua luta contra Louis Smolka, número 13 no ranking da categoria, no dia 30 de dezembro, no UFC 219, na T-Mobile Arena, em Las Vegas. Apontado como uma das promessas brasileiras no MMA, Nicolau, 24 anos, venceu seus dois combates realizados no Ultimate e ostenta um cartel com 12 vitórias, um empate e uma derrota.

O peso mosca tem o mesmo campeão desde a sua criação, em setembro de 2012, quando Demetrious Johnson venceu Joseph Benavidez por decisão dividida. Cinco ano depois, o Mighty Mouse ainda domina a categoria. Para Nicolau, é hora de chacoalhar a divisão.

O peso mosca é um reduto de lutadores muito técnicos, mas o fato de ter um único campeão desde a sua criação a deixou um pouco esquecida pelo grande público. É hora de deixar as coisas mais interessantes, chacoalhar essa divisão. E o meu próximo passo para isso é no UFC 219, contra Louis Smolka. Garanto um combate muito emocionante para os amantes das artes marciais, pois estou com muita saudade de lutar e testar minhas habilidades”.

Os números demonstram que Matheus tem o potencial necessário para revolucionar a categoria. Entre suas 12 vitórias, oito foram pela via rápida, demonstrando, inclusive, uma variedade em seu arsenal: com quatro finalizações e quatro nocautes. Sendo assim, 66% dos seus triunfos terminaram antes de chegarem às mãos dos juízes. No top 10, da categoria, apenas Ben Nguyen – 81% – e Brandon Moreno – 78% – possuem números melhores.

Essa será a primeira vez que Nicolau lutará em um card numerado do UFC. A sua carreira dentro do Ultimate iniciou com uma vitória com finalização sobre Bruno Korea no UFC Fight Night 77, em São Paulo. Na sequência, em Las Vegas, o mineiro derrotou por decisão o americano John Moraga, no TUF Finale. Para Matheus, estar em um evento de numerado é a oportunidade perfeita de aparecer para um público maior.

O UFC tem alguns eventos que têm uma atenção maior. Os cards da Fight Week, da Independência dos Estados Unidos, da véspera do Super Bowl e do Réveillon sempre são bem trabalhados e com uma exposição enorme. Estar em um destes eventos é o sonho de qualquer atleta. Vou aproveitar a oportunidade, a visibilidade e me apresentar na melhor forma da minha carreira”, declarou Matheus Nicolau.

Anúncios

Obrigado pela sua opinião !

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s