Com presença de policiais no card, Shooto Bope coloca dois cinturões em jogo

Tradicional edição comemorativa do Shooto Brasil em homenagem ao Dia do Soldado acontece nesta sexta-feira, dia 24 de agosto; Ronys Torres defende título dos ultra-leves e Lara Procópio vai em busca de segundo cinturão do evento

Foto: João Baptista/Psicóticos por VT

Uma tradição do Shooto Brasil, a edição comemorativa do evento em homenagem ao Bope (Batalhão de Operações Especiais da Polícia Militar do Rio de Janeiro) acontece nesta sexta-feira, dia 24 de agosto, na Upper Arena, Zona Sul da capital fluminense. Pela oitava vez, a organização homenageia a corporação pelo Dia do Soldado – neste sábado, dia 25 – com um card daqueles que levantam qualquer um da cadeira. Além das disputas de cinturão pelas divisões dos ultra-leves (até 72,6kg), entre o ex-UFC Ronys Torres e Marcio Bruno, e dos moscas feminino (até 56,7kg) entre Lara Procópio e Sidy Rocha, o evento está recheado de atrações. Algumas delas são as presenças de dois policiais do Bope no card, Rafael Bernardo e Willian Ferreira, do policial federal Haroldo Bunn e do professor de jiu-jitsu da corporação, o experiente lutador Andrius Tigrão. O Shooto Brasil 87 conta com um total de 14 lutas e tem início a partir das 19h no Canal Combate e no Sportv 2.

 

“Além de já ter virado tradição, é nosso compromisso realizar uma edição do Shooto Bope anualmente. Para celebrar essa parceria com o Governo do Estado e com a Polícia Militar conseguimos montar um card de alto nível, do jeito que os fãs e as corporações merecem ver. Teremos disputas de títulos, atleta com passagem pelo Ultimate e representantes do próprio Bope e da Polícia Federal. Será uma noite marcante”, afirma Dedé Pederneiras, presidente do Shooto Brasil.

 

Ronys Torres retorna para defender cinturão pela primeira vez

 

A luta principal da noite do Shooto Bope em 2018 será entre o campeão Ronys Torres e o desafiante Marcio Bruno. Ronys, um dos mais antigos da equipe Nova União, era o campeão dos leves do evento, mas abriu mão do cinturão ao assinar com o evento internacional ROAD FC, no início de 2017. Depois de quatro lutas disputadas na organização coreana, ele retorna ao Shooto como campeão dos ultra-leves, divisão recém-inaugurada. O amazonense herdou o título por decisão do staff do Shooto, já que ele não havia sido destronado na categoria debaixo.

 

Aos 32 anos, Ronys atua profissionalmente desde 2006 e tem um currículo expressivo. São 36 vitórias e apenas seis derrotas na carreira, duas delas na passagem apagada pelo UFC em 2010. Presente nas quatro primeiras edições do Shooto, ele já fez 11 lutas no evento e tem 100% de aproveitamento. Seu adversário é o sul mato-grossense Marcio Bruno. Aos 31 anos ele é natural da capital Campo Grande e soma um cartel de 10 vitórias e cinco derrotas. Marcio faz sua estreia no Shooto Brasil.

 

Campeã dos galos, Lara Procópio busca título dos moscas em confronto de gerações

O co-main event do Shooto 87 pode marcar o nome de uma lutadora na história da organização. A mineira Lara Procópio, de apenas 22 anos, já se sagrou campeã dos galos ao bater Mariana Morais na edição 81, em maio. Agora, a lutadora da Nova União busca fazer história ao ser a única mulher a conquistar dois títulos de categorias distintas no Shooto. Ela encara Sidy Rocha, pelo título dos moscas, e busca também manter a invencibilidade na carreira de cinco vitórias em cinco lutas disputadas. Já Sidy vai fazer sua estreia no Shooto Brasil, mas chega credenciada por um cartel de nove vitórias e quatro derrotas. A curiosidade fica por conta da idade da sul mato-grossense: 40 anos. O que configura um verdadeiro confronto de gerações no co-main event da noite.

 

Os demais destaques do Shooto Brasil 87, em homenagem ao Bope, fica por conta justamente dos membros da corporação presentes no card. Rafael Bernardo e Willian Ferreira, soldados do Bope, encaram Rafael Trindade e Wandemberg Nascimento, respectivamente. O card conta ainda com o experiente Andrius Tigrão, faixa-preta de jiu-jitsu e professor do batalhão, e o policial federal Haroldo Bunn, nome carimbado das edições em homenagem ao Batalhão de Operações Especiais.

 

Shooto Brasil 87: Bope

 

Data: Sexta-feira, 24 de agosto de 2018

Horário: 19h (Combate.com) e 20h ao vivo no Canal Combate e Sportv 2

Local: Upper Arena

Endereço: Rua Bibiano Pereira da Rocha n° 2-A – Flamengo, Rio de Janeiro

 

Card principal

Até 72,6kg: Marcio Bruno (WGT/Boxe Thai/Gracie Barra) x Ronys Torres (Nova União) – CINTURÃO

Até 56,7kg: Sidy Rocha (Rocha Top Team) x Lara Procópio (Nova União) – CINTURÃO

Até 74,8kg: Johil de Oliveira (Johil Team) x Haroldo Bunn (Nova União)

Até 74,8kg: Ugo Barbosa (a confirmar) x Andrius Tigrão (Nova União)

Até 58,5kg*: Felipe Pereira (a confirmar) x Daniel Miojo (ATS Tubarões)

Até 70kg: Milson Barão (Renovação Coari Team) x Junior Negão (Nova União)

Até 70kg: Ricardo de Souza (Careca MMA Team) x Guilherme Doin (Nova União)

Até 68kg: Rafael Cacique (ATS Tubarões) x Rafael Bernardo (CTLA Nova União)

Até 63,5kg: Patrizio de Souza (Full House) x Adilson Pica Pau (Nova União)

Até 63,5kg: Wandenberg Nascimento (BPT) x Willian Ferreira (Nova União Bope)

Card preliminar

 

Até 66kg: João Gilberto (PRVT) x Keweny Lopes (Nova União)

Até 52kg: Vania Brun Caceres (a confirmar) x Andressa Romero (Nova União)

Até 57kg: Mairon Santos (PRVT) x Leandro Zé Pequeno (Nova União) – LUTA AMADORA


*Peso combinado

 

Anúncios

Obrigado pela sua opinião !

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.