Fatality Arena realiza décima primeira edição com sucesso de publico e combates de tirar o fôlego

O Fatality Arena agita mais uma vez Niterói  em mais uma edição  de tirar o fôlego. No último dia 18, a organização realizou a décima primeira edição de sua história, quando sagrou Pedro Henrique “Esfirão” como campeão da luta principal do evento. Mais uma vez o evento que é presidido Diogo Tavares realizou sua tradicional edição na cidade de Niterói, e mais uma vez a edição do show marcial foi um sucesso de publico e de combates.

 

Pedro Esfirrão venceu seu combate.

O show de combates que teve inicio desde as 10 da manhã combates diversos de Muay Thai, Submission e MMA, todos amadores, teve seu grande desfecho com os profissionais que encerram a noite com chave de ouro. Os combates principais da noite tiveram ao todo 2 lutas de Muay Thai profissional e 9 profissionais de MMA .

“O nosso evento foi um sucesso, os atletas e o  publico deram um verdadeiro show, tudo correu muito bem e só tenho a agradecer a todos os patrocinadores, nossos staffs e o publico que compareceu em massa ao evento ”, declarou Diogo Tavares, produtor do Fatality.

 

O Fatality Arena foi criado em 2007 desde então não parou mais, e mesmo em meio a crise e o desaparecimento de vários evento de MMA o show se mantem realizando sua  eventos de sucesso.

No co-evento, o paraguaio Richard Barbosa  surpreendeu a todos vencendo a fera da Rossi Thai, Carlos Henrique Fioravante que lutava diante de sua torcida. Mesmo levando a pior na luta em pé o lutador paraguaio conseguiu levar o combate para o solo onde finalizou Fioravante com um justo mata leão.

A luta principal da noite foi a disputa entre os pesos leves (70kg) Pedro Henrique, o Esfirrão e o atleta de equipe Relma Combat, Wanderson Marinho. Esfirrão subiu na arena desta vez para lutar em uma nova categoria, após disputa pelo cinturão 77 quilos do Wocs  há um mês título do evento. E na nova categoria o lutador estreou com sucesso. Após domínio dos três rounds, a fera  da equipe Mezenga Thai / DTM Team, venceu o combate  por decisão unânime da arbitragem.

Fabio Borba venceu na sua estreia no MMA

O destaque da noite ficou para o jovem, Fábio Borba  da  equipe, DTM Team. O lutador que fez sua estreia no MMA Profissional, logo no início de combate já mostrou para o que veio, e em uma blitz de combinações de golpes acrescentada a uma bela queda chegou a vitória, após seu adversário acusar uma contusão nas costelas.

Resultados:

Fatality Arena 11
18/08

Tamires Vidal (Team Brothers)  venceu Ana costa (Geração Forte) na decisão do juízes MMA 66k

Fábio Borba (DTMTeam)  venceu Felipe Pereira (Geração Forte) por nocaute técnico MMA 70k

Leandro Correria  (Guilhotina Fight/ Team Denison Silva)  venceu Karlisson Ramos (Roll House) na decisão unânime MMA 84k

Jhonatan Assis (Team Denison Silva) finalizou  Rodrigo Kamikaze (Nova Era) leglock  MMA 57k

Leandro Mun-Ra (Tropa Thai)  finalizou Pedro Adão (Team Denison Silva) mata leão MMA 70k

Richard Barbosa ( PRVT ) finalizou Carlos Henrique Fioravante (Rossi Thai) mata leão MMA

Wanderson Gago (DSM Team) finalizou  Rodrigueira Garcia (DTMTeam) guilhotina 70k

Pedro Esfirrão (DTMTeam/ Mezenga Muay Thai)  venceu Wanderson Marinho (Relma Combat) na decisão unânime MMA 70k

Anúncios

Obrigado pela sua opinião !

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.