Jungle Fight encerra 2018 com dois novos campeões

O Jungle Fight fechou 2018 com chave de ouro. Em sua 94ª edição, que lotou o Quinto SportMall, em Contagem, Minas Gerais, o evento consagrou dois novos campeões. Pelos meio-pesados, Marcelo Barbosa levou a melhor sobre Marcus Silveira num duelo bastante movimentado, faturando o cinturão da categoria. Já pelo peso-galo, “Carlin” Soares não deu a mínima chance a Elifrank “Lex Luthor”, finalizou ainda no primeiro round e garantiu o título interino da divisão.

Foto: Leonardo Fabri

Na luta principal, Marcelo Barbosa, conhecido como “Animal”, precisou sobreviver ao ímpeto de Marcus Silveira, o “Tatu”, que começou o combate a mil por hora. Porém, sem se intimidar com a pressão, o sereno Barbosa, empurrado pela torcida, equilibrou os ataques, encurralou “Tatu” na grade e, no último minuto do segundo round, impôs uma severa sequência de combinações que obrigou o árbitro Flávio Almendra a encerrar o combate.

Antes, pelo título interino dos pesos-galos, “Carlin” Soares deu um show para cima de Elifrank Cariolano, o “Lex Luthor”.  Para abrir caminho para a vitória, “Carlin” levou o duelo para o solo e avançou nas posições até conseguir espaço para aplicar um poderoso ground and pound. Com o adversário atordoado pels sequência avassaladora de golpes, ele arriscou um triângulo partindo da montada e ajustou até “Lex Luthor” dar os famosos três tapinhas, ainda no primeiro round.

Outro grande destaque do evento foi o peso leve Ismael Marreta, que enfrentou Mateus Nascimento pela categoria dos médios. Com uma atuação irretocável, o brasiliense passou o primeiro round inteiro castigando o oponente com verdadeiras marretadas no ground and pound. Mas foi no segundo round, após uma joelhada na costela, que ele tirou Nascimento do jogo. Foi a sexta vitória consecutiva de Marreta, invicto desde a derrota para Renato Moicano no Jungle Fight 71, em 2014.

Na luta feminina da noite, Kênia Smith mostrou-se uma lutadora promissora. Com uma apresentação sólida, ela superou Viviane Adne com autoridade ainda no primeiro round, por nocaute técnico. Devido à grande quantidade de lutas empolgantes, mesmo aqueles que não tiveram o braço levantado estão garantidos nas próximas edições, conforme tradicional política da organização, que preza sempre pelo espetáculo, independentemente do resultado.

Confira abaixo os resultados completos do evento:

Jungle Fight 94

Quinto SportMall, Contagem-MG

22 de dezembro de 2018 

Marcelo Barbosa “Animal” venceu Marcus Tatu por nocaute técnico aos 4:16 do R2

Carlos Soares “Carlin” finalizou Elifrank Cariolano com um triângulo aos 3:12 do R1

Elismar Lima “Carrasco” venceu Deberson “The Prince” por nocaute técnico no R1

Adriano Correa “Índio” venceu Wanderson Michel “Shaolin” por desqualificação (dedo no olho) aos 3:01 do R1

Alessandro Soares “Gambolino” finalizou Rubiano Ferreira “Cicatriz” com um mata-leão aos 0:37 do R1

Ismael Marreta venceu Mateus Nascimento por desistência aos 0:41 do R2

João Oliveira venceu Alan Alves Vieira por decisão unânime

Fernando “Ben 10” venceu Romario Silva “Caçador” por decisão unânime

Jean Felipe “Pernalonga” venceu  Luan Oliveira por nocaute técnico a 1:32 do R3

Daniel Ribeiro “Mudinho” venceu Igor “Bolt” por decisão unânime

Kênia Santana “Smith” venceu Viviane Adne por nocaute técnico aos 3:27 do R1

Lucas Kenner ¨Xaropinho” venceu Andre Rodrigues Moreira ¨Loirão¨ por nocaute técnico aos 3:59 do R1

Leandro Camargo finalizou Israel Vicente Moreira com um triângulo de mão aos 1:45 do R3

Anúncios

Obrigado pela sua opinião !

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.