Shooto Brasil 69 coroa Douglas Rakchal e Pedro Falcão

Rakchal vence Natalicio Nascimento por decisão unânime na luta principal

Douglas Rakchal venceu a luta principal da noite.

Douglas Rakchal venceu a luta principal da noite.

O ano de 2017 começou oficialmente para o Shooto Brasil. Neste domingo, dia 29 de janeiro, a organização realizou o 69º show de sua história, o primeiro do ano. Na luta principal da noite, Douglas Rakchal venceu Natalício Nascimento por decisão unânime, em duelo válido pela categoria peso-meio-pesado (até 93kg). Na co-luta, pela divisão dos penas (até 66kg), Pedro Falcão deu sequência a boa fase ao vencer Jairo Soares também por unanimidade e emendar a quinta vitórias consecutiva. Outro destaque foi José Carlos Polengue, que retornou após cinco anos de sua primeira luta no MMA e alguns anos dedicados ao jiu-jitsu, e finalizou Aldo Pereira no primeiro round. A próxima edição acontece em 26 de março, ainda sem local confirmado.

Na luta principal da noite Natalício Nascimento e Douglas Rakchal se enfrentaram em momentos distintos da carreira. Enquanto Natalício compete há apenas dois anos e possui seis lutas na carreira, Douglas Rakchal é mais experiente e soma 14 duelos em cinco anos de profissional. A luta começou muito estudada, com os dois atletas esperando o melhor momento para golpear. Mais solto, Douglas encaixa bons golpes enquanto Natalício respondia com provocações de que os golpes não estavam entrando. No segundo round, os atletas mantiveram a luta em pé, com ambos alternando bons golpes. Enquanto Natalício abusava das provocações a cada golpe conectado por Douglas, o mineiro se manteve focado e levou leve vantagem rounds iniciais. No último e decisivo assalto o cenário se manteve, com Natalício absorvendo os duros golpes de Douglas, mas mostrando cansaço. Após os três rounds, graças a maior contundência durante todo o combate, Rakchal sagrou-se vencedor por decisão unânime dos juízes laterais.

Na busca por manter a boa sequência de quatro triunfos seguidos, Pedro Falcão encarou o baiano Jairo Soares na co-luta principal da noite. Fazendo jus a faixa-preta de jiu-jitsu, Falcão dominou o duelo toda a vez que ia para o chão e manteve o equilíbrio no combate em pé, lutando com inteligência.  A partir do segundo round, o atleta da Nova União passou a dominar mais ainda o confronto trabalhando muito o ground and pound. No fim, só controlou o resultado para engatar a quinta vitória consecutiva no Shooto, a décima na carreira. Um dos duelos mais aguardados da noite colocou frente a frente dois nomes conhecidos do Shooto Brasil: Thiago Manchinha e Max Alves. Ex-desafiante ao título peso-pena, Manchinha não deu chances para o atleta da Nova União e venceu por finalização com um mata-leão no segundo round.

Polengue finaliza no primeiro round e leva torcida ao delírio

José Carlos Polengue

José Carlos Polengue

Um dos pontos mais altos da noite de lutas no Shooto Brasil, sem dúvidas, foi a vitória de José Carlos, conhecido como Polengue. Cria do Morro Santo Amaro, na Zona Sul do Rio de Janeiro e um dos grandes nomes do jiu-jitsu da Nova União, Polengue fez sua segunda luta profissional de MMA cerca cinco anos após a estreia. E tanto tempo se dedicando ao jiu-jitsu surtiu efeito. Diante do baiano Aldo Pereira, ele não demorou para levar a luta para o solo e encaixar um lindo mata-leão para delírio da sua torcida que compareceu em massa e fez Clube Hebraica Rio tremer após os três tapinhas de Pereira. Polengue vibrou bastante e foi muito festejado pelo público.

No duelo entre Alexandre Cirne e Elves Pereira uma infelicidade decidiu a luta. Ainda no round inicial, uma cabeçada involuntária de Cirne levou Elves ao solo, que mesmo assim seguiu na luta, mas acabou finalizado com um katagatame. Após revisão dos juízes o embate foi declarado “No Contest” por Cirne ter se aproveitado do golpe, mesmo que involuntário, para finalizar Elves e encerrar o duelo. No combate entre Severo Aranha e Paulo Cangaceiro melhor para Aranha, que venceu na decisão dividida após um combate morno.

Lucas Ananias e Leandro Gomes fizeram o combate mais equilibrado da noite. Com muitas reviravoltas, e uma decisão dividida de forma muito apertada, vitória para Lucas, que vibrou muito com o triunfo. O embate entre Claudio Coutinho e Luiz Arthur teve suas maiores emoções na luta de solo. Com os dois atletas buscando a finalização a todo o momento, o confronto por pouco não terminou antes dos três rounds. Ao final dos 15 minutos melhor para Claudio Coutinho, que venceu por unanimidade e foi muito festejado pelo público.

Uma novidade desta edição, o Shooto Brasil 69 contou ainda com dois duelos amadores, visando dar uma chance aos atletas iniciantes. Apesar dos dois duelos, apenas Mirela Sollis saiu vencedora, ao bater Andressa Romero. Isso porque o combate entre Antonio Felipe e e Edwin Durel terminou empatado.

Shooto Brasil 69 – Resultados oficiais

Card principal

Douglas Rakchal venceu Natalício Nascimento por decisão unânime

Pedro Falcão venceu Jairo Soares por decisão unânime

Thiago Manchinha venceu Max Alves por finalização (mata-leão) aos 1min e 15 seg do segundo round

A luta entre Alexandre Cirne e Elves Pereira foi declarada como ‘No Contest’ (sem vencedor)

Severo Aranha venceu Paulo Cangaceiro por decisão dividida

José Carlos Polengue venceu Aldo Pereira por finalização (mata-leão) a 1min e 19 seg do primeiro round

Lucas Ananias venceu Leandro Gomes por decisão dividida

Claudio Coutinho venceu Luiz Arthur por decisão unânime

Card Amador

A luta entre Antonio Felipe e Edwin Durel terminou em empate majoritário

Mirela Sollis venceu Andresa Romero por decisão unânime

Anúncios

Obrigado pela sua opinião !

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s