Com sede de vitória, Luis Henrique “KLB” fala sobre seu próximo desafio no UFC 215

Com apenas 23 anos, Luis Henrique “KLB” é um dos principais representantes dessa nova geração de pesos-pesados do UFC. Buscando firmar-se na categoria, o atleta medirá forças contra o canadense Arjan Bhullar no UFC 215 e falou sobre o seu camp e as expectativas para mais essa batalha.

KLB tem um cartel positiva de 10 vitórias e 3 derrotas.(Foto: Assessoria)

O atleta da Tata Fight Team (TFT) viajou em abril aos Estados Unidos para fazer o seu camp para o UFC 215 na American Top Team. Treinando com outros pesos-pesados da organização, como os ex-campeões Andrei Arlovski e Júnior Cigano, e o russo Alex Oleynik, Luis Henrique aponta melhoras no seu jogo e espera apresentá-las ao público dia 9 de setembro:
Inicialmente, eu fui para a American Top Team para ajudar o Antônio Pezão no camp para a sua luta. Mas nesse meio tempo, a minha luta no UFC foi marcada e resolvemos que eu ficaria por lá até viajar para o Canadá. Está sendo muito bom (seu camp na ATT), estou treinando com grandes nomes da categoria, como o Cigano, o Arlovski que também passou por aqui e o próprio Pezão. Sem falar no Kelson Pinto que está me ajudando muito na parte do boxe, Luciano Macarrão, Rodolfo Vieira. Estou cercado de lendas e isso só ajuda na minha evolução.
Para a reta final de seu camp na ATT, o seu companheiro de TFT e fiel escudeiro Hugo Cunha chegou aos EUA para ajudá-lo nos últimos ajustes. O lutador comentou sobre a importância de ter mais uma vez o 6x campeão brasileiro de wrestling presente no seu camp:

KLB esta desde abril treinando na ATT. (Foto:Mídia Social)

O Hugo me ajuda muito na parte do wrestling, sempre. Ter ele (Hugo Cunha) e o Steve Mocco (treinador de wrestling da ATT e ex-atleta olímpico da modalidade) ao meu lado nesse camp, afiando meu wrestling, é ótimo. Confio muito nele e é muito importante tê-lo comigo em mais uma preparação.
Respeitoso, Luis Henrique exaltou as qualidades do seu adversário, o invicto Arjan Bhullar (6-0), mas garantiu estar preparado para o jogo do canadense, ex-atleta olímpico de wrestling:
 Meu adversário é um cara duro e eu o respeito, mas estou preparado. Meu objetivo é sair com a vitória e com o bônus, talvez um nocaute. Me sinto bem e vou buscar essa vitória.

Foto: UFC

Anúncios

Obrigado pela sua opinião !

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s