Campeão peso-galo do SFT, Anderson Berinja comemora luta no UFC Buenos Aires

Impulsionado pela conquista do cinturão peso-galo (até 61kg) do Standout Fighting Tournament, principal evento de MMA do Brasil, Anderson Berinja realiza sua tão sonhada estreia no Ultimate Fighting Championship neste sábado, no UFC Buenos Aires (ARG). Substituindo Enrique Barzola, o brasileiro se junta aos compatriotas Michel “Trator”, Johnny Walker, Poliana Botelho, Alexandre Pantoja e Cezar “Mutante” na edição argentina, que terá o confronto entre Santiago Ponzinnibio x Neil Magny em seu main event. Ele enfrenta na luta de abertura do evento o inglês Nad Narimani.
“Chegar ao Ultimate é a realização de um grande sonho. Venho batalhando há muitos anos por isso. Acredito que a chance chegou no momento certo, estou muito maduro e experiente, tanto dentro do cage quanto fora dele. Ela acontece em uma hora maravilhosa da minha vida. Estou radiante com esse momento”, disse Berinja.
Atleta da Babuíno Gold Team, Anderson vem de três vitórias consecutivas e duas conquistas de cinturão. Apontado como um dos principais pesos-galos em atividade no país, o paulista fará sua estreia no UFC entre os pesos-penas (até 66kg). Porém, ele afirma que isso não será um problema e se diz preparado para o desafio.
“Peguei a luta em cima da hora, com pouco mais de uma semana. Mas pra mim isso não importa, sou um cara que estou sempre bem treinado. Me mantenho sempre pronto para um desafio maior. O MMA é a minha profissão e não tiro férias. Treino sempre imaginando que um combate pode acontecer. Como fiz uma luta muito recente, então o corte de peso também não vai ser um problema, até porque vou lutar uma categoria acima da minha”, contou.
Mesmo com o pouco tempo de preparação, Anderson Berinja já conseguiu estudar seu oponente. Dono de 20 vitórias, sendo 11 por finalização, o lutador não mediu palavras e com muita confiança revelou sua estratégia para o duelo diante de Nad Narimani.
“Meu adversário tem um boxe alinhadinho, gosta de trabalhar o jab preparando para jogar a mão de trás com potência. Tem um bom nível de wrestling e jiu-jitsu também. Mas independente do jogo dele, vou ser o mesmo lutador de sempre e fazer meu jogo. Me movimentar bastante, cortar os ângulos, chutar a coxa dele, botar pra baixo e pegar no chão. Esse é o meu plano”, concluiu.
UFC Buenos Aires
17 de novembro de 2018, na Argentina
CARD PRINCIPAL
Peso-leve: Santiago Ponzinnibio x Neil Magny
Peso-pena: Ricardo Lamas x Darren Elkins
Peso-meio-pesado: Khalil Rountree x Johnny Walker
Peso-médio: Cezar Mutante x Ian Heinisch
Peso-galo: Guido Cannetti x Marlon Vera
Peso-palha: Cynthia Calvillo x Poliana Botelho
CARD PRELIMINAR
Peso-meio-médio: Michel Trator x Bartosz Fabinski
Peso-mosca: Alexandre Pantoja x Ulka Sasaki
Peso-pena: Humberto Bandenay x Austin Arnett
Peso-meio-médio: Laureano Staropoli x Hector Aldana
Peso-leve: Devin Powell x Jesús Pinedo
Peso-pena: Nad Narimani x Anderson Berinja
Anúncios

Obrigado pela sua opinião !

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.